Olá!

A escola de computação de Carnegie Mellon lançou duas ferramentas pra ajudar o programador Java a tomar mais café.

Segundo o blog TI&Governo a ferramenta ajuda na escolha de APIs e na busca de soluções de configuração.

Quando um programador se senta ao computador para programar em Java, ele na verdade se senta ao computador para escolher e configurar APIs (os protocolos pelos quais o computador vai realizar o trabalho).

Por isso a Escola de Computação da Universidade Carnegie Mellon anunciou duas novas ferramentas, a Jadeite e a Apatite, para ajudar o programador a escolher e a configurar APIs.

Com as duas ferramentas, diz Jeffrey Stylos, um programador Java consegue entregar seu programa depois de um terço do tempo, pois ele acha as coisas mais depressa.

A ferramenta Jadeite está disponível nesse site e a Apatite neste e pode ser experimentado nesse link.

Tela do Apatite
Pelo que entendi elas mudaram a forma de busca na documentação do JavaDoc além de ressaltar palavras conforme os hits no Google.

Mas daí dizer que reduz em 1/3 do tempo pra mim é um pouco exagerado.

Fonte: A Carnegie Mellon ajuda programadores Java a arranjar tempo para o café.

Share


Deixe um comentário